quarta-feira, 9 de maio de 2012

Prece a Deus!


Senhor ajudai-nos a construir a nossa casa,
com janelas de aurora e árvores no quintal.
Árvores que na primavera ficam cobertas de flores
e ao crepúsculo ficam cinzentas.
O que desejo é apenas uma casa.
Em verdade não é necessário que seja azul,
nem que tenha cortinas de renda,
em verdade nem é necessário que tenha cortinas.
Quero apenas uma casa em uma rua sem nome,
sem nome, porém honrada, Senhor.
Só não dispenso a'árvore Senhor,
 porque é a mais bela coisa que nos deste.
Quero da minha janela sentir
 os ventos pelo caminho e ver o sol...
                                                                                                        
Manoel de Barros

Quero apenas o necessário!

mil beijos!

jardinsmaravilhosos*


3 comentários:

  1. Oi Dany.
    Me chamou a atenção "Apenas o necessário".
    Lindo isso.
    BJus

    Paula Kasas

    ResponderExcluir
  2. Que lindo!!!! Nem demais, nem de menos. Só o necessário pra ser feliz, né?

    Lindo, Dani!

    Beijão,

    Rebeca

    ResponderExcluir
  3. Lindo poema de Manoel de Barros...

    Acredito que conquistamos a felicidade quando entendemos que precisamos SOMENTE DO NECESSÁRIO.

    Tenha uma ótima semana.

    bjo

    filhadejose.blogspot.com

    ResponderExcluir

Sejam bem-vindos, obrigada pelo seu singelo comentário.