segunda-feira, 18 de abril de 2011

Shantala



Shantala um método que interage a mãe com o bebê, alem de aliviar as cólicas, acalma o bebê quando este está agitado. Eu estou começando a utilizar a shantala, estou percebendo que o meu bebê esta mais tranquilo. Comecei a fazer porque notei o meu bebê com um pouco de prisão de ventre, fiz a massagem de contato, e depois fiz os movimentos nos braços, e nas pernas fiz o movimento bicicletinha. Com um pedaço o meu bebê quiz evacuar, notei ele bem melhor, não receitei nenhum tipo de rémedio. Vou exercitar a shantala com frequência. Quando a minha menina nasceu eu fiz um curso para gestante e o curso de shantala incluia. Coloquei aqui o passo a passo para utilizar cada vez melhor. O Benício está com 5 meses, é bem firme, sabe rolar na cama, tem o pescoço bem durinho, e é super tranquilão, não chora, é um bebê que toda mãe quer ter. Graças a Deus.

Confira o passo-a-passo dos movimentos da shantala:

1- Sente-se com as pernas esticadas para frente e deite o bebê sobre elas. Comece fazendo uma limpeza energética, esfregando uma mão na outra, para que as palmas fiquem aquecidas. Faça essa fricção com as mãos no alto da sua cabeça, para que a energia flua. Inspire e mentalize energia positiva para o seu bebê.

2 - Faça um triângulo com as mãos e leve até a altura do peito do bebê (sem tocá-lo com a distância de um palmo). Separe as mãos e vá contornando todo o corpinho da criança, sem tocá-la, e expire. A cada contorno terminado, chacoalhe as mãos (como se elas estivessem molhadas e você quisesse eliminar o excesso de água). Repita o procedimento por três vezes, mantendo a respiração.

3- Passe o óleo em suas mãos e esfregue-as. Lembre-se de passar o óleo novamente, sempre que começar a massagear uma nova região (exceto o rosto do bebê).

4- Com as mãos bem relaxadas e os dedos unidos, posicione-as no centro do peito do bebê. Deslize, horizontalmente, a mão esquerda até a axila de mesmo lado. Simultaneamente, faça o mesmo movimento à direita.

5- Novamente, comece o movimento no centro do peito do bebê e, dessa vez, termine em cada um dos ombros dele.

6- Começando o movimento pelo centro do peito da criança, suba uma mão de cada vez (formando um X), até o final do ombro. Deixe seus dedos chegarem embaixo da orelha dele. Sempre que a massagem for feita em movimentos alternados, inicie pelo lado esquerdo do bebê, que é o lado mais receptivo.

7- Faça um círculo com as suas mãos, como se fosse um bracelete. Com uma delas, segure o pulso do bebê. Enquanto isso, a outra mão vem de encontro àquela que está segurando o pulso, partindo do ombro. Quando as mãos se encontrarem, alterne-as, dando continuidade o movimento funciona como se o bracinho do bebê fosse uma corda, que você puxa para escalar uma parede.

8- Faça um movimento de rosca (uma torsão suave) com as duas mãos, iniciando pelo ombro e descendo até o pulso do bebê.

9- Apóie a mão do bebê, com a palma virada para cima, em uma das suas mãos. Use o seu polegar da outra para massagear a mãozinha dele, partindo do pulso e chegando até a ponta dos dedinhos. 10- Deslize sua mão espalmada e com os dedos unidos por toda a mãozinha do bebê. 11- Aperte delicadamente os dedinhos do bebê, um a um, começando pelo polegar. 12- Faça um movimento com as suas mãos em concha, da base das costelas até o começo dos genitais dele. Essa técnica é ótima para aliviar as dores da cólica. Se as dores forem muito fortes, intensifique o movimento. 13- Segure as perninhas para o alto e, com o ante-braço, coninue massageando a região abdominal. Repita o mesmo movimento com as mãos. 14- Faça um círculo com as suas mãos, como se fosse um bracelete. Com uma delas, segure o tornozelo do bebê. Enquanto isso, a outra mão vem de encontro àquela que está segurando o tornozelo, partindo da virilha. Quando as mãos se encontrarem, alterne-as, dando continuidade ao movimento, como no passo 7. 15- Apóie o pé do bebê em uma das suas mãos. Com a outra, deslize o polegar, massageando a sola do pezinho. 16- Deslize sua mão espalmada e com os dedos unidos por todo o pé do bebê, tanto a sola como o peito. 17- Aperte delicadamente os dedinhos do pé do bebê, um a um, começando pelo polegar. fonte: minhavida.com.br


P.S: Semana Santa está chegando...ebaa!














Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sejam bem-vindos, obrigada pelo seu singelo comentário.